PUBLICAÇÕES

NEWS

Guerra afeta inflação e atividade, mas impacto dependerá da duração

Ainda é cedo para colocar números ao impacto que a guerra entre Rússia e Ucrânia pode ter sobre a economia brasileira, dizem analistas, já que isso depende da duração e da profundidade do conflito. A direção, porém, tende a ser de mais inflação, com combustíveis e alimentos pressionados, e menos atividade. Poderiam se somar a esse quadro ainda um real menos valorizado e juros mais altos.

A disputa entre os países pode contaminar o Brasil por dois canais, resume Alessandra Ribeiro, sócia e diretora de macroeconomia e análise setorial da Tendências Consultoria. Um é o financeiro, pela fuga de capitais de economias emergentes para ativos menos arriscados. O outro é o da “economia real”, com o aumento do preço das commodities reduzindo consumo em termos globais.

A Rússia é um grande exportador energético, de petróleo e gás natural, sobretudo para a Europa. E, junto com a Ucrânia, vende também grãos, como trigo e milho. “Se você tiver minimamente uma interrupção no fluxo de oferta por parte desses países nesses itens, vai pressionar o preço de energia e alimentação”, afirma José Pena, economista-chefe da Porto Seguro Investimentos.

BY ALEXSANDER QUEIROZ SILVA
Fonte: Valor Investe

Voltar